BRASINFRA elege Diretoria para o período 2018-2021

A Associação Brasileira dos Sindicatos e Associações de Classe de Infraestrutura – Brasinfra realizou no dia 14 de junho, em Belo Horizonte, a eleição da nova diretoria da entidade. A eleição foi realizada na sede do  Sindicato da Indústria da Construção Pesada no Estado de Minas Gerais, o SICEPOT- MG.  


Desde sua fundação, em 20 de dezembro de 2016, a Brasinfra era conduzida por uma junta administrativa, formada para as primeiras ações estruturantes da entidade. Essa eleição, realizada no último dia 14 de junho, conforme previa o estatuto da entidade, definiu a Diretoria e o Conselho Fiscal com mandato de 01 de junho de 2018 a 31 de maio de 2021, ficando a Diretoria composta por um (1) Presidente, um (1) 1º Vice-presidente, 12 (doze) Vice-Presidentes Regionais, um (1) Diretor Administrativo e um (1) Diretor Financeiro, além de três (3) Conselheiros titulares e três (3) Suplentes para o Conselho Fiscal.  


A nova diretoria da Brasinfra ficou assim composta:   


Presidente: Emir Cadar Filho – SICEPOT/MG;  


1º  Vice Presidente: Luiz Albert Kamilos – SINICESP;  


Vice-Presidentes Regionais:
              Carlos Roberto Soares Mingione – SINAENCO;
              Dinalvo Carlos Diniz – SINCONPE/CE;
              Evaristo Augusto Pinheiro Camelo - SINICON;
              José Carlos Chamon – SINDICOPES;
              Luiz Fernando Santos Reis – AEERJ;
              Ronald Velame de Azevedo – ANEOR;
              Sérgio Piccinelli - SICEPOT/PR; e
              Wagner Sandoval Barbosa - ACEOP              


Diretor Administrativo: Carlos Alberto Laurito – SINICESP              


Diretor Financeiro: Marcelo de Cerqueira Viana – SICEPOT/MG  


Segundo Emir Cadar Filho, a criação da entidade se deu em virtude da premente necessidade de se ter uma entidade que com legitimidade represente nacionalmente o setor de infraestrutura e proponha iniciativas para alavancar o setor em novas bases com proposituras, implementação e gestão das ações com sustentabilidade.  


Entre seus objetivos, está o incentivo às obras de infraestrutura, sempre procurando adequar as condições contratuais que garantam a manutenção do mercado, das empresas, seguindo os interesses da sociedade, em consonância com os preceitos legais, buscando, ainda, um ambiente harmônico na relação capital e trabalho. Além de estreitar o relacionamento com outras associações, sindicatos, federações, confederações e entidades governamentais e não governamentais, direta ou indiretamente ligados ao setor da infraestrutura, dentro das boas práticas de Compliance permanentemente reforçando a transparência, legitimidade e credibilidade no relacionamento das empresas com o setor público.  


Em pouco mais de um ano de trabalho, a Brasinfra desenvolveu estudos, propostas e ações junto às autoridades, buscando o aperfeiçoamento da Lei de Licitações, em tramitação no Congresso Nacional, inclusive participando de audiências públicas na Câmara dos Deputados, com a adoção de mecanismos que assegurem o aumento de investimentos na infraestrutura nacional, como a criação de um Fundo Garantidor com Ativos, discussão de propostas que possam mitigar a concorrência desleal que privilegia as EPPs (Empresas de Pequeno Porte), pela Lei 123/2006 que favorece as Microempresas nos certames licitatórios de obras públicas, ações junto à Petrobras e autoridades federais visando à solução do problema dos aumentos constantes do material betuminoso,  bem como o estabelecimento de uma efetiva interlocução com o Poder Legislativo, participando ativamente dos debates em torno das Reformas Previdenciária, Tributária e Política.  


Reforçando o quadro de Entidades integrantes da Brasinfra, foi aprovado o ingresso da SOBRATEMA – Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração. Dessa forma, o seu presidente, engenheiro Afonso Mamede, passa a ser um dos Vice-Presidentes da BRASINFRA.